terça-feira

Gongogi: Julgamento no TRE pode cassar Sapão nesta terça-feira |

Sapão e sua vice Joana podem perder o cargo  

O prefeito Altamirando Santos, o  popular Sapão (PDT), e a vice Angélica Santos (PSDB) passarão por novo julgamento nesta terça-feira(28) em Salvador e poderá ter o diploma cassado novamente. Após perder o processo em primeira instância,  em agosto de 2014, quando o juiz titular da 73ª zona eleitoral, Francisco Pereira de Morais, determinou a cassação dos mandatos e diplomas do prefeito e da vice-prefeita da cidade de Gongogi, o  segundo colocado nas últimas eleições, Edvaldo dos Santos (PTC) e Milton assumiram o cargo de prefeito e vice, respectivamente.  
Sapão recorreu da sentença no TRE – Tribunal Regional Eleitoral – e foi beneficiado pelo chamado, ‘efeito suspensivo’ e pode voltar ao cargo na mesma semana, até aguardar nova decisão Colegiada no Tribunal. Segundo o TRE, em processos de cassação, o entendimento formado é que os casos sejam julgados por um Colegiado. Por isso o Colegiado do TRE julgará o processo de cassação do prefeito e vice-prefeita de Gongogi nesta terça-feira (28) e enquanto isso ele pode continuar governando o município.  

Se for mantida a decisão da primeira instância, quando cassou seu diploma, deverá assumir o cargo, mais uma vez, o Edvaldo Santos, mais conhecido como Kaçulo, seus correligionários já aguardam ansiosos essa decisão. O processo teve início em novembro de 2012, logo após as eleições. Da última vez, Kaçulo só ficou no cargo por 02 dias. (Ubaitaba.com)

Nenhum comentário: