quinta-feira

Bolsonaro pede ao TSE para barrar divulgação de pesquisa do Datafolha

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) - Marcos Alves / Agência O Globo

O deputado federal Jair Bolsonaro e o Partido Social Liberal (PSL) pediram nesta terça-feira (30) ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a impugnação da pesquisa Datafolha de intenção de votos. A próxima divulgação está prevista para esta quarta-feira (31).   Além de pedir a suspensão em caráter de urgência, a defesa do deputado solicita que, no julgamento de mérito da representação protocolada no TSE, a pesquisa seja impedida de circular definitivamente.

PSL e Bolsonaro afirmam que os questionamentos feitos pelo instituto são "tendenciosos, com nítido objetivo de manipular, não apenas o eleitor consultado, mas também aqueles que do seu conteúdo tiverem conhecimento, tudo isso em benefício de uma determinada candidatura, cujo registro perante o TSE é natimorto". Segundo a defesa de Bolsonaro, a pesquisa "reserva tratamento difamatório, baseado em premissa reconhecidamente falsa”. "Não fosse tudo isso, de outro turno, ao candidato ora representante, embora nunca tenha merecido reprimenda da Justiça Criminal, é atribuída a pecha de denunciado por enriquecimento ilícito, de forma manifestamente difamatória", contestam. (Estadão)

Nenhum comentário: