sexta-feira

Hidrelétrica de Sobradinho deve deixar de gerar energia em dezembro

Usina de Sobradinho foi inaugurada em 1979 (Foto: Glauco Umbelino) 

A Usina Hidrelétrica de Sobradinho, no Vale do São Francisco, vai deixar de gerar energia desde que foi inaugurada em 1979. Segundo informações do blog de Rosa Falcão, do jornal Diário de Pernambuco, a parada deve ocorrer até o início de dezembro. A barragem de Sobradinho, que tem capacidade de geração de 1.050 megawatts (MW), o equivalente a 10% da capacidade instalada de 10 mil MW da Companhia Energética do São Francisco (Chesf) – está com o volume útil de apenas 1,65%, o que torna a atividade inviável. No momento, a hidrelétrica gera apenas 180 MW. Ainda de acordo com o blog, as usinas Paulo Afonso 1, 2, 3 e 4, Moxotó, Xingó e Itaparica ainda estão em operação. A Chesf descarta risco de racionamento de energia na região Nordeste. A capacidade do reservatório está mais crítica do que a registrada em 2001, quando houve racionamento de energia. A quantidade de água que chega ao reservatório é de 600 metros cúbicos por segundo, enquanto 900 metros cúbicos estão sendo utilizados para gerar energia. “Não é uma questão de decisão da Chesf, mas uma consequência da falta de água para gerar energia. Na hora que o volume útil atingir zero, temos que parar de gerar”, diz José Ailton de Lima, diretor de Operações da Chesf. (Bahia Notícias)

Nenhum comentário: