quinta-feira

Homem que foi torturado e enterrado vivo recebe alta de hospital em Jaguaquara

Hospital realizou atendimento de homem enterrado vivo (Foto: Marcos Frahm) 

Um homem de 47 deixou o Hospital Municipal de Jaguaquara, nesta quarta-feira (16/12), depois de ter sido socorrido a unidade hospitalar na noite de terça-feira quando deu entrada no pronto-socorro apresentando várias escoriações pelo corpo. De acordo com informações do Blog Marcos Frahm, João de Jesus Santos, foi socorrido à unidade na companhia de familiares, que informaram a equipe médica que o homem foi encontrado enterrado com a cabeça para fora, num terreno, nas proximidades do Loteamento Jatobá, no bairro Casca, onde reside. Familiares acreditam que a vítima sofreu tortura. Uma criança teria visto João enterrado com a cabeça para fora e chamou populares. Ainda de acordo com informações, João de Jesus faz uso frequente de bebida alcoólica e, na noite de domingo último, ele já teria dado entrada no Hospital Municipal encaminhado por uma equipe do Samu, depois de ter sido espancado por dois homens, pai e filho, morador do Alto da Colina, no bairro Casca, fato que gerou polícia no local. ”Ela chegou aqui com várias escoriações no corpo, inchaço nos olhos e com dificuldades para respirar. Estávamos dando total atenção, mas infelizmente ele não quis ficar, de jeito nenhum”, contou uma enfermeira. Apesar de apresentar problemas respiratórios, João não quis ficar internado. Chegou a discutir no leito do hospital com um irmão, que o acompanhava, e deixou o HMJ por volta das 11h de quarta-feira (16), com um termo assinado pelo seu irmão. Ainda não há informações sobre os autores da ação. (Marcos Frahm)

Nenhum comentário: