sábado

Imagem mostra mancha suspeita no entorno do santuário de Abrolhos, no sul da Bahia

Imagem mostra mancha em mar perto de Abrolhos (Foto: Manu Dias/GOVBA) 

Novas imagens divulgadas pela Secretaria do Meio Ambiente da Bahia (Sema) mostram com mais detalhes a mancha que é investigada no entorno do Parque de Abrolhos após o alerta feito pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) de que a lama do desastre ambiental em Mariana (MG) pode ter chegado à costa baiana. As fotografias foram registradas nesta sexta-feira (8) durante sobrevoos de equipes do governo estadual na região.Segundo o secretário Eugênio Spengler, é preciso esperar o resultado das análises técnicas para saber se há resíduos da barragem da Samarco, cujas donas são a Vale a BHP Billiton, que rompeu em Minas Gerais. Os resultados dos exames laboratoriais devem sair em até 10 dias. Mesmo diante da suspeita, o secretário disse que não há necessidade de interditar as praias da região. "Não há nenhuma evidência e nem motivo no momento que indique necessidade de interdição e fechamento da praia. Laudos de balneabilidade que temos mostram que não há problema em relação a isso. O histórico da análise desse material desde o acidente até agora não apresentou materiais pesados. Isso nos dá um nível de tranquilidade", afirmou o secretário ao G1.

Nenhum comentário: