domingo

Ubatã: Professores decidem greve em assembleia na Câmara


Foi realizada na manhã desta sexta-feira (12), na Câmara de Vereadores, uma assembléia geral extraordinária com os professores e a APLB-Sindicato para tratar sobre a situação em qual a categoria se encontra há anos perante o município. Os professores revolveram em assembléia deflagrar greve antes da realização da jornada Pedagógica. Outrora, ficou decidido também que a categoria fará uma manifestação na porta da prefeitura na próxima segunda-feira (15). O motivo da greve é devido a falta do cumprimento das vantagens que os professores tem direito, em pauta foram discutidos o Piso Nacional do Magistério, Autorização para Ajuizamento de Ações Judiciais e Ação Civil Pública para garantia dos direitos da categoria, deflagração de greve por tempo indeterminado em defesa do piso, entre outros. O advogado da APLB-Sindicato Delegacia do Médio Rio das Contas, Drº Iruman Contreiras, disse que a greve está dentro da Lei e dá total cobertura aos professores. (Ascom-Câmara De Ubatã)

Nenhum comentário: