terça-feira

Clubes vão ceder atletas e pedem 3 anos sem rebaixamento para Chapecoense

 O time da Chapecoense faz a foto oficial durante a semifinal contra o San Lorenzo (Nelson Almeida - 24.nov.2016/AFP) 

Os principais clubes brasileiros iniciaram um movimento para reerguer a Chapecoense após o trágico acidente aéreo que vitimou 75 pessoas na madrugada desta terça-feira (29). Embora a prioridade seja a de prestar todo o apoio aos familiares, discussões em relação ao futuro esportivo do clube catarinense estão em curso.

Flamengo e Palmeiras lideram a mobilização. Os departamentos jurídicos dos clubes estão conversando e uma nota será divulgada nas próximas horas com a decisão. A cessão de jogadores sem custo e empréstimos estão em pauta.  "O Flamengo prestará todas as homenagens e fará questão de participar do esforço para reerguer a Chapecoense. Vamos nos concentrar agora em ajudar as famílias e cuidar dos feridos", afirmou o presidente Eduardo Bandeira de Mello.  

Todos os principais clubes se manifestaram sobre a tragédia e aguardam o movimento para decidirem o que será feito. A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) acompanha tudo com o diretor geral de competições, Manoel Flores.  (Ver mais no Uol)

Nenhum comentário: