quarta-feira

Papa pede oração por mortos em massacre no presídio do AM: 'Dor e preocupação'

Foto: Reprodução / Canção Nova 

O papa Francisco fez oração e pediu que os fieis o acompanhassem no ato pelos 60 mortos no massacre de presídio em Manaus (AM). Na primeira audiência geral de 2017, realizada nesta quarta-feira (4), o pontífice lembrou o "violentíssimo confronto" que aconteceu no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, na última segunda-feira (2). "Exprimo dor e preocupação pelo que aconteceu. Convido a todos para rezar pelos mortos, pelos seus familiares, por todos os detentos daquele presídio e por aqueles que lá trabalham. E renovo meu apelo para que os institutos penitenciários sejam locais de reeducação e de reinserção social e as condições de vida dos presidiários sejam dignas de pessoas humanas", declarou Francisco. Na ocasião houve um momento de silêncio e, em seguida, o papa pediu que os presídios não sejam superlotados. 

Nenhum comentário: