sexta-feira

Ubaitaba: Vereador preso com quase 300 kg de maconha toma posse algemado

Vereador chegou sob escolta em Ubaitaba (Foto: Valeska Lippel) 

Preso com quase 300 kg de drogas um dia após ter sido eleito vereador no município de Ubaitaba, no sul da Bahia, Messias Aguiar (PMDB) tomou posse do cargo com uma das mãos algemada e com paletó sobre o uniforme de presidiário na manhã desta sexta-feira (13). Em entrevista ao G1, o advogado do vereador relatou que a Justiça autorizou que ele deixasse o Conjunto Penal de Valença, onde está preso, e seguisse até o município onde foi eleito para assinar o termo de posse.   
Câmara ficou lotada de pessoas que defendem o vereador (Foto: Valeska Lippel / TV Santa Cruz)

“Foi uma recepção muito bacana. A presença dele teve uma repercussão muito boa, graças a Deus. Ele é uma vítima e vai ser absolvido”, afirmou Rogério Andrade. O advogado questionou o modo de operacionalização da polícia, ao afirmar que não havia necessidade do cliente ser empossado com uma das mãos algemada. “Uma tentativa de desmoralização, que não funcionou. Ele foi muito bem recebido”, disse.  
Messias foi preso um dia depois de ser eleito (Foto: Reprodução) 

O prazo para posse seria encerrado no domingo (15). Caso o documento não fosse assinado, o suplente iria ocupar o cargo. Logo após a cerimônia, que ocorreu por volta das 11h, o vereador Messias Aguiar voltou sob escolta para o Conjunto Penal de Valença. O mandato do legislativo municipal está previsto para começar no dia 2 de fevereiro. O advogado afirma que o cliente é inocente e que não tem relação com o tráfico de drogas. “Aconteceu uma apreensão em um município e ele foi preso em outro. Ele nega a acusação e vai ser absolvido”, espera o advogado. No dia 5 de janeiro deste ano, Messias Aguiar foi diplomado para o cargo mesmo sem ter sido solto. A diplomação ocorreu por meio de procuração e foi autorizada pela Justiça Eleitoral. (G1)

Nenhum comentário: