segunda-feira

Barra do Rocha: Professor Léo afirma ter herdado município em grave situação econômica

Gestor tem feito reuniões para expor a situação

Com um mês e dez dias de governo, o prefeito de Barra do Rocha, Luís Sérgio, o Professor Léo, como é popularmente conhecido, relata momento de grave dificuldade econômica herdada, segundo afirmou, da gestão anterior. Em recente entrevista concedida à emissora de rádio local, Rocha FM, o alcaide relatou diminuição de alunos na rede pública municipal de ensino, explicando que isso deverá refletir em baixos repasses do Fundo de Manutenção da Educação Básica (Fundeb ), precioso recurso para o município que chega via Governo Federal. Comenta-se que a perda pode atingir a cifra de dois milhões de reais, sendo agravada pela possibilidade anunciada pelo prefeito, de bloqueio de recursos do INSS. A se firmarem as previsões do Professor Léo, sua administração ficaria impossibilitada neste primeiro momento de implantar o trabalho necessário em obras com recursos públicos, muito embora ele tenha garantido que, ainda assim, manterá em dia o pagamento do funcionalismo. ” Poderia ser diferente se tivéssemos recebido o dinheiro da repatriação de recursos, mas foi gasto em menos de quarenta e oito horas pela gestão anterior”, afirmou. A situação administrativa em Barra do Rocha é semelhante à encontrada pelo prefeito de Itagibá, Gilson Fonseca, que relatou na semana passada estar às voltas com dívidas impagáveis deixadas pela administração pasada, que estão gerando também sequestro de verbas do INSS, deixando em situação muito delicada o novo governo.  (Ipiaú on Line)

Nenhum comentário: