quinta-feira

Empregadores não depositaram FGTS de 7 mi de trabalhadores; saque começa nesta sexta

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil 

Sete milhões de trabalhadores não poderão sacar o dinheiro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) porque os empregadores não fizeram o recolhimento para o fundo. O saque das contas inativas até 31 de dezembro de 2015 começa nesta sexta-feira (10) e segue até 31 de julho. De acordo com a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), em reportagem do G1, a negligência patronal corresponde a um débito total de R$ 24,5 bilhões inscritos na dívida ativa da União. Caso o trabalhador identifique que a empresa na qual foi empregado não fez o recolhimento do FGTS, ele pode entrar em contato com a empresa e tentar o depósito imediato do dinheiro ou recorrer à Justiça do Trabalho. De acordo com o advogado João Badari, o prazo para entrar com uma ação é de até dois anos após o desligamento da empresa. "Ou seja, neste caso, só os trabalhadores que saíram da empresa entre março e dezembro de 2015 é que conseguirão ingressar no Judiciário trabalhista para requisitar o depósito dos valores referentes ao FGTS", explicou. Mais informações sobre o saque do benefício estão disponíveis no site da Caixa Econômica Federal. (Bahia Noticias)

Nenhum comentário: