quinta-feira

PPK renuncia e vice é convidado a assumir Presidência do Peru

Foto: Reprodução/ Guillermo Olivera Díaz

Presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski (PPK) apresentou ao Congresso seu pedido de renúncia na tarde desta quarta-feira (21). De acordo com o G1, a decisão veio um dia antes do Congresso discutir uma moção de destituição por conta dos vídeos divulgados pelo Partido "Fuerza Popular" que mostram suposta compra de votos de seus aliados em troca de obras. Segundo ele, os vídeos foram editados e geraram uma "grave distorção do processo político". "Frente a essa difícil situação que se gerou (...) acho que o melhor para o país é que eu renuncie à presidência da república", afirmou PPK. O primeiro vice-presidente do Peru, Martín Vizcarra, atual embaixador do seu país no Canadá, já está sendo esperado em Lima para assumir a Presidência. Por conta da transição constitucional, Vizcarra deve assumir a chefia do Estado e nomear um novo governo que complete o período de gestão até 2021.

Nenhum comentário: