terça-feira

Barra do Rocha: Alunos da rede municipal aprovam cardápio oferecido para alimentação escolar

Teste de aceitabilidade foi aplicado com alunos da rede pública municipal

Preocupada com a qualidade a alimentação oferecida nas escolas da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Barra do Rocha, através da Secretaria de Educação, realizou na última semana mais um teste de aceitabilidade com os alunos referente a alimentação  escolar fornecida diariamente nas unidades educacionais. A avaliação segue como referência o manual do Programa Nacional da Alimentação Escola (PNAE), e foi aplicado pela nutricionista Janna Menezes juntamente com a participação da coordenadora Edineide Araújo e toda equipe responsável pela preparação da alimentação escolar.   
Alunos aprovaram o cardápio e se deliciaram com a merenda escolar

teste de aceitabilidade tem como objetivo avaliar a qualidade da merenda, de acordo com a verba oferecida pelo FNDE, sendo realizado por escala hedônica facial, onde as expressões faciais lúdicas (rostinhos) representam o grau de aceitação de acordo com a alimentação servida, onde foram inseridos novos itens ao cardápio diário escolar, das quais podemos destacar: Risoto de peixe com chuchu e ervilha; Farofa de banana da terra; Arroz carreteiro; Mingau de aipim com coco ralado; Pão de aipim; Biscoito da fécula de mandioca; Broa de milho, entre outros. O resultado alcançado não poderia ser diferente, 90% (noventa por cento) dos participantes aprovaram o cardápio oferecido que começará a ser servido já no mês de agosto.    
Alguns alimentos avaliados pelos alunos durante teste de aceitabilidade

Para a nutricionista Janna Menezes, a aposta na diversificação da alimentação escolar é fruto da preocupação do prefeito Luis Sergio (PSB), professor Léo, que tem investido em contrapartida, além do recurso federal do PNAE e incentivando a implementação de alimentos da agricultura familiar no cardápio escolar. “O município de Bara do Rocha tem sido referência na qualidade nutricional através da merenda escolar. A gestão se preocupa com a alimentação fornecida, pois acredita que um aluno bem alimentado e nutrido é também fator predominante para a construção de uma educação de qualidade,” destacou. (BR News)

Nenhum comentário: